Innovation Sandbox 2017

A RSA Conference é ponto de encontro de profissionais do mundo todo, com discussões não só sobre segurança e tecnologia, mas também sobre os desdobramentos que essas dinâmicas têm sobre a sociedade e seus impactos no contexto corporativo, político e cultural.

A conferência começou em 1991 como o fórum “Criptografia, Padrões e Políticas Públicas”. Foi criada com o propósito de dar oportunidade para criptógrafos se reunirem e compartilharem os mais recentes conhecimentos e avanços na área de segurança. Hoje, é o maior evento de segurança cibernético do mundo e só cresce mais a cada ano.

O ISC – Innovation Sandbox Contest – teve início em 2006, e é um concurso que até hoje premia as Startups mais inovadoras, capazes de criar tecnologias disruptivas que favorecem a indústria de segurança da informação. A primeira vencedora do Sandbox, na época, foi a Sourcefire.

Os vencedores e finalistas anteriores do RSAC Innovation Sandbox Contest conquistaram investimentos em capital de risco, aquisição de empresas de grande porte e uma maior cobertura da mídia. Vencedores antigos do concurso receberam, todos, investimentos externos dentro de 12 meses após ganhar o prêmio e muitos passaram a um IPO como Invicea ou foram compradas por gigantes comprada pela Cisco como Sourcefire ou pela Juniper como Altor Networks.

Além disso, o Innovation Sandbox Contest inclui conteúdo valioso sobre como estabelecer um startup, as tendências de startup e o futuro da segurança da informação. Com um ilustre painel de juízes representando CISOs, investidores e empresários, as 10 empresas concorrentes irão obter conselhos e recomendações, além de expor a RSA Conferência comunidade para a sua solução.


Índice de Seleção

Innovation Sandbox 2017

Segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017, um dia histórico na trajetória de 10 empresas. Finalistas da edição desse ano da Innovation Sandbox Contest demonstraram suas tecnologias e seus diferenciais competitivos para os participantes da conferência, bem como um painel de jurados, que determinariam, assim, a startup mais inovadora da vigésima sexta edição da RSA Conference.

“As inscrições deste ano para o Concurso Innovation Sandbox representaram um grupo incrivelmente competitivo”, disse Sandra Toms, vice-presidente da RSA e curadora da RSA Conference.

Sandra Toms: “É inspirador a cada ano para ver a força em submissões, uma vez que demonstra como os profissionais de cibersegurança estão colaborando para apresentar soluções inovadoras para ajudar as empresas a se protegerem. À medida que as empresas continuam a olhar para a Conferência como um indicador do progresso da indústria e das próximas etapas, estamos felizes em poder oferecer a esses finalistas a oportunidade de mostrar seus produtos tanto para clientes potenciais quanto para a comunidade de segurança cibernética”

E sabendo do glamour do evento, que tal olharmos os concorrentes finalistas deste ano?


Baffle

A Baffle torna as brechas de dados irrelevantes mantendo os dados sempre criptografados – em repouso e em processo.

Esta solução centrada na nuvem criptografa os dados de forma transparente, automatiza o gerenciamento de chaves e garante que os aplicativos corporativos podem continuar operando nesses dados sem interrupção.

A paisagem complexa de criptografia de dados precisa de simplificação, e Baffle espera que seu serviço de criptografia seja a resposta.

Ao criptografar dados de ponta a ponta durante operações SQL, quer esses dados estejam em repouso ou em processo, a empresa espera levantar as limitações sobre o que a criptografia pode proteger.

CEO e co-fundador Ameesh Divatia, fez duas citações marcantes:

  • “O cliente está sempre no controle da chave”
  • “Queremos que o aplicativo sempre tenha acesso aos dados

CATO networks

A Cato Networks fornece às organizações uma rede empresarial, software-defined e cloud-based.

A “Cato Cloud” reduz os custos de MPLS, elimina dispositivos de segurança de ramificação, fornece acesso seguro à Internet em todos os lugares e conecta com segurança os usuários móveis e infraestruturas de nuvem na rede.

Claroty

A missão da Claroty é assegurar e otimizar as redes de controle industrial que operam o mundo.

A Plataforma Claroty oferece visibilidade extrema, monitoramento em tempo real e detecção de anomalias para redes OT (ICS); empregando modelos de alta fidelidade e algoritmos avançados para alertar seus clientes para questões de segurança cibernética e de integridade de processos.

Contrast Security

O Contrast Security é a única empresa que permite que os aplicativos detectem e corrijam automaticamente vulnerabilidades, identifiquem ataques e se defendam. Contrast utiliza instrumentos de segurança para reforçar as aplicações antes de implementá-las, protegê-las na produção e proporcionar visibilidade ao longo do ciclo de vida da aplicação.

EN|VEIL

Desenvolvido por criptografia homomórfica, a estrutura escalável da EN|VEIL permite que as empresas operem em dados (consulta, analítica) sem revelar o conteúdo da interação, os resultados ou os próprios dados. O VEIL é a primeira solução comercial escalável para proteger os dados em uso.

Utilizando o paralelismo maciço e um mecanismo de criptografia homomórfico, a tecnologia da EN|VEIL permite que os dados sejam processados enquanto criptografados, e Ellison Anne Williams, CEO e fundadora, disse que tudo é baseado em API e pode rodar sobre qualquer tipo de dados ou processo.

Nós nunca expor a operação, os resultados ou os dados em si”, disse Williams.

GreatHorn

GreatHorn é a solução de segurança cibernética para infra-estrutura de comunicação em nuvem. A plataforma da empresa utiliza o aprendizado e a automação de máquinas para proteger o G Suite, o Office 365, o Slack e outras ferramentas de colaboração de ataques direcionados e prevenir a roubo de dados financeiros, de propriedade intelectual e de dados regulamentados.

A empresa é promissora e está sendo listada em diversos prêmios como:

  • CB Insights’ list of 10 Email Security Startups to Watch in 2017;
  • Shortlisted as a Cloud Trailblazer finalist for the Tech Trailblazer Awards;
  • Finalist for the Cybersecurity Excellence Awards;

E, claro, foi uma das finalistas da Innovation Sandbox Contest 2017.

RedLock

A RedLock criou uma abordagem única para a automação de segurança em nuvem que descobre dinamicamente mudanças na infraestrutura da nuvem, correlaciona-as com dados de configuração, rede e usuário e aplica a aprendizagem de máquina para criar um mapa visual para visibilidade de risco, monitoramento de política e resposta a incidentes.

UnifyID

O UnifyID é a primeira plataforma holística de autenticação implícita projetada para uso online e offline. Esta solução utiliza dados de sensores de dispositivos cotidianos e aprendizado de máquinas para autenticar os usuários com facilidade.

Ao combinar mais de 100 atributos, UnifyID atinge mais de 99,99% de taxa verdadeiramente positiva.

Up level

A plataforma de resposta adaptativa do Uplevel conecta alertas de entrada, inteligência de ameaças e dados de código aberto com dados de ataque históricos para criar um perfil dinâmico de eventos futuros passados, presentes e potenciais, permitindo respostas táticas a novos ataques e fortalecimento estratégico da postura de segurança.

Veriflow

Veriflow traz a verificação formal à infra-estrutura de rede pela primeira vez. Continuamente garantindo que sua rede funcione conforme o esperado, a Veriflow prevê interrupções antes de impactar usuários e vulnerabilidades antes de serem exploradas, permitindo que equipes de TI forneçam redes seguras e resilientes.

O vencedor da Innovation Sandbox 2017

A promessa de criptografia heterogênea de ponta a ponta da EN|VEIL foi o suficiente para ganhar o segundo, mas seria difícil de vencer a promessa apresentada pelo vencedor do Innovation Sandbox, UnifyID.

UnifyID

A UnifyID clama ser uma “plataforma de autenticação implícita”, e está tentando repensar completamente a autenticação nos mundos on-line e físico, combinando machine learning e a infinidade de dispositivos ao nosso redor para comparar nossos corpos e, mais especificamente, o jeito como nos movemos, às nossas identidades.

Embora a solução seja revolucionária e aparentemente complicada, a ideia por trás dela não poderia ser mais simples.

Eles combinam dados de diversos dispositivos para comprovar a sua identidade. Pode ser desde o jeito como você anda, o som da sua voz, o jeito como você digita no teclado, e dessa forma não precisa mais de senhas.

Acreditamos que a melhor maneira de autenticar-se é ser você mesmo“, disse John Whaley, CEO e fundador.

Conclusão

Innovation Sandbox promove novas abordagens para os problemas atuais e as ameaças do futuro.

A competição é dedicada a incentivar ideias fora da caixa e a exploração de novas tecnologias que têm o potencial para transformar a indústria de segurança da informação.

Os vencedores passados incluem companhias bem-sucedidas tais como Sourcefire, SentinelOne, Imperva, Waratek e, mais recentemente, a Phantom Security.

Vencer resultou em mais clientes que se inscreveram para alavancar Phantom, a fim de otimizar o seu centro de operações de segurança” trecho de Oliver Friedrichs, fundador e CEO da Phantom.