Por que as empresas devem abraçar a inteligência artificial

Em 2014, Stephen Hawking afirmou que o desenvolvimento da inteligência artificial total poderia significar o fim da raça humana.

O cientista afirmou temer que as máquinas de inteligência artificial evoluíssem a um ritmo muito superior aos dos humanos.

No entanto, será que já existem tecnologias capazes de criar cenários apocalípticos com máquinas inteligentes como os dos filmes? É provável que não.

Segundo o diretor de pesquisa do Baidu, Adam Coates, as empresas devem se preocupar mais com os impactos positivos da inteligência artificial em seus negócios.

Durante a conferência InformationWeek Elite 100 em Las Vegas, no último mês, Coates disse que as pessoas deviam parar de se preocupar com robôs assassinos.

Promessas do aprendizado de máquina

O aprendizado de máquina trouxe a importante promessa de permitir que indivíduos criassem sistemas capazes de aprender a tomar decisões sem serem programados.

No entanto, a grande capacidade de processamento de dados necessária não permitiu que o aprendizado de máquina fosse além.

Como resultado, alguns passos intermediários tiveram de ser dados para ensinar os sistemas de aprendizado de máquina, pois há muitos aspectos que um simples algoritmo não seria capaz de aprender.

Em vez de tentar gerar resultados melhores com o aprimoramento dos sistemas de aprendizado de máquina, pesquisadores descobriram que sistemas complexos, que se baseiam em tecnologias de redes neurais, podem entregar melhores resultados por meio dos dados e do poder computacional.

A melhor parte é que os dados e o poder de processamento podem ser escalados de uma maneira que as equipes de especialistas não podem.

Com dados sendo gerados a uma velocidade cada vez maior, graças à mobilidade, as empresas agora podem mudar sua estratégia em relação aos problemas do aprendizado de máquina.

Os sistemas de inteligência artificial, baseados em redes neurais, em pouco tempo poderão servir para tarefas como reconhecimento facial, reconhecimento de voz e tradução.

Esse é só o início de uma revolução capaz de trazer uma série de oportunidades para empresas de todos os tamanhos ao redor do mundo.

Com InformationWeek